X Pesquisar:
capa-de-le-junkies-d’adolf-hitler http://www.novacomunidade.org

Le Junkies D’Adolf Hitler

CRÍTICA
capa-de-le-junkies-d’adolf-hitler http://www.novacomunidade.org

Nota: 6,7

E finalmente vi um documentário que explica a influência das drogas na II Guerra Mundial. Foi pelas mãos dos franceses que me apresentaram este primeiro ponto de vista. Ainda não vejo os factos como certos por não ter explorado mais o tema, sendo esta a minha primeira fonte.

Foi na RTP3 que vi os últimos 20 minutos deste documentário que logo me fez reiniciar a sua emissão para que o pudesse ver no seu todo.

Pervitin é o nome de ordem deste documentário. Repetem o seu nome vezes sem conta como se o quisessem incutir na nossa mente, tal como os alemães o fizeram à sua população e soldados, com a campanha nazi. Fiquei perplexo com o fácil acesso da população a esta droga. Juntando o facto de esta não estar totalmente informada relativamente ao plano geral dos acontecimentos (especialmente no interior do país), consegue-se perceber melhor o porquê da aceitação das decisões do regime vigente. Obviamente que houve também um sentimento patriótico exponenciado pela propaganda daquele Reich.

Com esta droga (legal e de fácil acesso) obteve-se uma fórmula de sucesso (pelo menos numa fase inicial) em que tínhamos um povo de cabeça erguida, eufórico até, e cheio de força para aguentar as adversidades e produzir mais que nunca, dando as anfetaminas a força necessária para tal. A par dos civis, os alemães tinham um exército que não sofria de fadiga e sem qualquer receio de se lançar de cabeça para o campo de batalha. Desta forma, Hitler conseguiu fazer os XXX (ataques rápidos e com a vantagem do factor surpresa) que lhe deram vitórias fundamentais.

Quando se começaram a perceber os efeitos secundários desta substância, não se recuou e até se omitiram estes factos pois não pretendiam perder a sua vantagem competitiva, pelo menos a nível militar. Desta feita, os soldados que a certo ponto já se encontravam viciados, continuaram a consumir, degradando a sua saúde física e mental.

Surgiu então a derrota derradeira, estando em combate uma tropa totalmente desfeita pelos factores inerentes à guerra bem como pelos efeitos secundários do Pervitin.

Penso que não se poderá associar a esta droga todas as desgraças sofridas pelos alemães na guerra pois foram vários os factores que levaram à sua queda. Ainda não consigo dizer se o impacto desta substância é tão significativo como revelam neste documentário (pois como já referi não tenho referências suficientes). No entanto, gostei desta primeira abordagem que me despertou a curiosidade para explorar mais este tema específico da II Guerra Mundial, visto ser uma guerra sobre a qual me interesso bastante.

Para quem tiver a oportunidade de ver, aconselho.

Curiosamente, esta é uma droga que deu origem a variações que são usadas por toda a Europa, de uma forma ilegal, para fins recreativos.

Le Junkies D’Adolf Hitler
Ficha Técnica
Título: Le Junkies D’Adolf Hitler capa-de-le-junkies-d’adolf-hitler
Director: François Pomès
Elenco: Género: História
País: França
Ano: 2015