X Pesquisar:
capa-de-conviction http://www.reviewstl.com/

Conviction

CRÍTICA
capa-de-conviction http://www.reviewstl.com/

Nota: 6,4

No final da década de 80 deram-se os primeiros casos de presos ilibados de condenações devido à reabertura dos seus processos tendo como nova variável de ponderação as provas de ADN.

Este filme mostra a luta de uma mulher para soltar o seu irmão do que ela diz ser uma acusação indevida. Estamos perante um amor incondicional de irmãos que vai além das promessas, tal como exige a partilha de sangue comum.

A história baseia-se no caso verídico de Kenny Waters. Na minha opinião, é preferível não ler acerca deste caso antes de se ver o filme para evitar o spoiler.

Este tipo de situações pode acabar com as forças de qualquer um pois exige uma dedicação que irá consumir inúmeras horas, desgastando física e psicologicamente. Ao longo do filme assistimos à degradação das personagens, o que confirma o exposto.

Apesar dos comportamentos desviantes praticados por Kenny, acabamos por perceber as suas atitudes, pela vida precária que tem. Este estilo de vida pode causar traumas que ditam certo tipo de comportamentos, tal como mencionei na crítica do filme Atmen. Por vezes está correcto o argumento do sistema moldar os indivíduos, especialmente quando o sistema tem o indivíduo na mira. Percebemos neste filme que nem sempre este argumento é utilizado apenas por quem pretende ter uma desculpa para viver à margem da lei, mas que o mesmo pode ser real.

Este género de filme é propenso a causar tensão pois ficamos ansiosos por saber a solução do caso. É também interessante perceber como funcionam os tribunais, a que pontos devemos ter atenção, como podem ser conjugadas as provas e como nem sempre é a razão que subsiste. Assistindo a vários filmes deste género começamos a ficar mais alerta para certas situações, podendo extrapolar a realidade de cada sistema judicial para o nosso.

Obviamente que não posso deixar de realçar a participação de Julliette Lewis, sempre no seu registo peculiar. É difícil arranjar adjectivos diferentes tendo em conta que se apresenta quase sempre (ou sempre) com personagens especiais, meio maluca, meio acabada, sempre diferente.

É um filme simples e directo, para quem gosta do género não perde nada em vê-lo, no entanto, existem melhores “filmes de tribunais”.

Conviction
Ficha Técnica
Título: Conviction capa-de-conviction
Director: Tony Goldwyn
Elenco: Género: Biografia, Drama
País: estados unidos da américa
Ano: 2010